Mercado Livre, o e-commerce com mais informações e tráfego para fazer Publicidade

O gigante evolui como um meio a mais da indústria e destaca o potencial da informação e o mindset de compra dos usuários para fazer Publicidade.

Desde o começo, os meios de comunicação foram ferramentas utilizadas nas sociedades para transmitir informações em massa à população. A princípio, eram revistas e jornais físicos, mas nos últimos tempos entendeu-se que era necessário adaptar-se a um novo formato para chegar a todos: as plataformas digitais. É lá onde estão todos os novos consumidores. É através desta mudança de comportamento do usuário que também surgem os sites de e-commerce, plataformas online para movimentar produtos cujos locais físicos de compra não fazem falta.

Hoje a realidade mostra que existem híbridos, nos quais se mistura a informação e a massificação, com a intenção de compra e produtos. Neste contexto se encontra o Mercado Livre, um e-commerce que evolui e hoje se transformou também em um meio de comunicação, não somente pela massificação do tráfego e o alcance que o caracteriza: podemos dizer que o contexto onde se realiza a comunicação é um cenário em que o consumidor tem um mindset de compra.

O usuário que está no Mercado Livre está aqui porque quer comprar ou descobrir algo. Isso o diferencia de outros meios de comunicação e é um grande diferencial que oferece às marcas, as quais podem exibir seus produtos quando o usuário estiver buscando ou navegando, e não lendo uma notícia de esportes ou a previsão do tempo.

Nos Estados Unidos, um mercado que marca a tendência, 65% dos consumidores acessam diretamente sites de varejo para buscar produtos online, enquanto 35% o fazem através de uma ferramenta de busca.

Sem necessidade de uma conta bancária para começar a investir, os usuários só tem que preencher seus dados e enviar uma foto de seus documentos. O processo é muito simples, totalmente digital e pode ser realizado pelo celular. Ao finalizar, o saldo digital é investido de maneira automática, assim como todos os novos fundos que entram na conta.

Fuente: US Forrester Report 2018

Segundo um estudo do Google, 71% dos argentinos fazem buscas online antes de comprar algum produto do varejo. Hoje é impossível falar de massificação e tráfego online sem pensar no Mercado Livre, o e-commerce onde entra um em cada dois argentinos e que apenas na Argentina poderia encher o Estádio Monumental mais de 243 vezes por mês. Mais de 16 milhões de usuários únicos por mês visitam o site para pesquisar produtos, comparar preços e comprar. É mais tráfego por mês do que a população de Portugal e da Croácia juntas.

Segundo a Similar Web, empresa líder em competitive intelligence e data, o Mercado Livre é o quinto site mais visitado da Argentina, superando inclusive os principais meios de comunicação como Clarín, La Nación e Infobae. O mesmo acontece com o ranking da comScore no desktop: o Mercado Livre está entre os sites mais visitados do país e da região.

Concluindo, o Mercado Livre não é apenas o e-commerce número um da região como também é o meio com mais tráfego que oferece a possibilidade de chegar aos usuários enquanto constroem sua decisão de compra.

Noticias